Troca de experiências e participação marcam encontro de alunos gremistas

Cerca de três mil estudantes gremistas, sendo 500 da rede municipal de ensino, se reuniram nesta terça e quarta-feira, dias 22 e 23 de abril, nos eventos Semeando Atitudes e Fala Jovem, realizados no Expo Dom Pedro, no Jardim Santa Genebra. Os encontros foram pensados para incentivar os alunos gremistas campineiros do ensino fundamental e mostrar o que eles podem realizar e como ter atitudes que façam a diferença nas escolas e na sociedade.

 

 

Os estudantes assistiram a um concerto musical apresentado pelo Projeto Primeira Nota, da Secretaria Municipal de Educação. Também participaram de show de ciências, apresentação de beatbox (sonoridades com a boca) e palestras dos organizadores dos eventos.


 

 

A secretária municipal de Educação, Solange Pelicer, acredita que os grêmios são uma forma de exercitar as competências socioemocionais dos alunos, que precisam aprender a se relacionar para integrar os vários grupos, e ainda fazem com que os jovens comecem a olhar o outro e pensar na sociedade. “Nós temos que dar as mãos e fazer cada vez mais e melhor pela nossa cidade”, defendeu.

 

 

Quem também destacou o ganho socioemocional dos participantes de grêmios foi Isabela Pascoal Becker, diretora de Sustentabilidade da Fundação Educar Dpaschoal. A Fundação, apoiadora do encontro, incentiva projetos de protagonismo na educação há décadas. Para a diretora, participar dos grêmios é um dos primeiros exercícios de cidadania na vida, “é saber trabalhar uma coisa que é nossa para fazer cada vez melhor”, disse.

 

 

O Semeando Atitudes e o Fala Jovem são frutos de uma parceria entre a Secretaria Municipal de Educação, as Diretorias Regionais de Ensino Campinas Leste e Campinas Oeste, Fundação FEAC e Fundação Educar DPaschoal. Os eventos fazem parte do Programa Educação, uma iniciativa da Fundação FEAC.