Mutirão em cooperativas de reciclagem recolhe 383 toneladas de resíduos

A Secretaria de Serviços Públicos, por meio do Departamento de Limpeza Urbana (DLU), e a Secretaria de Trabalho e Renda recolheram 385 toneladas de resíduos em mutirão de 17 dias realizado em 11 cooperativas da cidade. A ação, iniciada no dia 28 de agosto na Cooperativa Bom Sucesso, encerrou na última quinta-feira, 14 de setembro, na Cooperativa Aliança.

 

A atividade foi uma demanda do Comitê Municipal de Prevenção e Controle das Arboviroses da Prefeitura de Campinas, que reúne 14 secretarias municipais e a Sanasa. É o responsável pelo planejamento das ações em Campinas. O propósito da ação nas cooperativas foi o de melhorar o ambiente de trabalho dos funcionários, evitar o acúmulo de resíduos e, consequentemente, o foco do mosquito Aedes aegypti, vetor da dengue, chikungunya e zika vírus


 

“A administração estará atenta na gestão das cooperativas e, no caso de haver a necessidade de realizar novas ações, um novo cronograma será estabelecido”, disse Fábio Gonzaga, engenheiro do DLU.

 

Cada ação mobilizou cerca de 50 funcionários e reeducandos e atendeu com o mutirão de limpeza as Cooperativas Santo Expedito; Renascer; Santa Genebra; Nova Vida; Tatuapé; São Bernardo; Reciclar; Aliança; Antônio da Costa Santos; Remodela e Bom Sucesso.