Jovens de diversos países se reúnem para promover intercâmbio cultural

Jovens-de-diversos-países-se-reúnem-para-promover-intercâmbio-cultural.jpg

O vice-prefeito de Campinas, Henrique Magalhães Teixeira, participou da abertura do World Culture Camp, um evento que reúne jovens de diversos países com o intuito de promover o intercâmbio cultural e também a união entre os universitários do mundo todo. O evento foi realizado na noite de quarta-feira, 6 de fevereiro, pela International Youth Fellowship (IYF – Comunhão Internacional de Jovens), organização sem fins lucrativos, presente em mais de 85 países.

Henrique Magalhães Teixeira cumprimentou os jovens participantes de diferentes nacionalidades, além de cônsules e consulesas, parlamentares e autoridades da Região Metropolitana de Campinas (RMC). Ele também entregou, em nome de Campinas, uma placa de homenagem ao pastor Ock Soo Park, fundador da IYF.


“É uma honra para Campinas estar num projeto tão grandioso como este que envolve educação, cultura, que é o espírito da nossa sociedade”, disse. Inspirada na solidariedade e no amor ao próximo, a IYF promove o protagonismo social dos jovens com atividades culturais, educacionais e de voluntariado.

Em seu discurso, o vice-prefeito ressaltou a importância da educação na formação de cidadãos e sobre a transformação no mundo de alta tecnologia, da internet das coisas e da robótica. “Em resumo: a importância da educação é baseada na sua capacidade de transmitir valores que nos ajudem a construir uma sociedade mais justa, igualitária, dinâmica e diversificada, recorrendo aos vários recursos tecnológicos existentes e os que surgirem no futuro”.

Esta é a terceira edição do World Culture Camp no Brasil. Os eventos se baseiam em palestras de educação emocional e de atividades em grupo, onde os participantes aprendem sobre o mundo e como superar os seus limites. Os organizadores do evento acreditam que ao fornecer uma nova visão para os estudantes universitários, que vivem em uma sociedade moderna, onde é difícil encontrar um verdadeiro sentido da vida, e dando-lhes a chance de desenvolver mentes desafiadoras e autodisciplinada, os participantes são capazes de reconhecer os problemas sociais da sua juventude, desenvolver um modo de vida progressivo e proativo que possa levar à solução de problemas.

A abertura contou com apresentações de danças culturais e apresentação do Coral Gracias, que se apresenta em mais de 20 países, totalizando 200 apresentações nos melhores auditórios do mundo diante de presidentes e reis de nações, em tribos da África e em comunidades carentes. O pastor Ock Soo Park, fundador da IYF também fez uma palestra ao final do evento.

Em 2001, o pastor Park fundou a IYF focada no desenvolvimento da juventude e no cultivo da liderança por meio da vida espiritual. No Brasil foi criada em 2005 e atualmente têm unidades nas cidades de São Paulo (matriz na zona norte e sede zona leste), Porto Alegre, Rio de Janeiro e Salvador.