Comissão das Pessoas com Deficiência Física ou Mobilidade Reduzida encerra o ano com balanço positivo de ações voltadas para inclusão

Os membros da Comissão Permanente das Pessoas com Deficiência Física ou Mobilidade Reduzida se reuniram pela última vez neste ano nesta terça-feira (12) e além de votar o parecer de um projeto de lei os vereadores presentes fizeram um balanço das reuniões de 2017. Para o presidente da comissão, vereador Jorge da Farmácia (PSDB) fez um agradecimento a todas as entidades que se apresentaram e colaboraram com a comissão. “Nosso papel aqui é dar visibilidade as pessoas com deficiência, buscando tornar Campinas cada vez mais uma cidade inclusiva”, afirma. 

O última Projeto de Lei que teve o parecer aprovado pela comissão neste ano, foi o do vereador Pastor Elias Azevedo (PSB) e inclui no calendário oficial do município a “Semana do Deficiente Visual”. Para os vereadores presentes o projeto tem um importante papel para dar visibilidade aos problemas enfrentados por esses deficientes. “É triste pensar que no século XXI ainda é preciso fazer ações desse tipo para incluir pessoas com deficiência”, concluiu a vereadora Mariana Conti (PSOL).


Participaram da reunião seu presidente Jorge da Farmácia (PSDB), Mariana Conti (PSOL) e Professor Alberto (PR).

Texto e foto: Central de Comunicação Institucional da CMC